Rumando para uma Sociedade Simples, Fácil e Carinhosa. (2)

1. Abordagem da Construção do Modelo – Em busca de uma figura que esteja de acordo com a razão da natureza

Olhando para o mundo atual, não apenas o problema atual da pandemia da COVID, mas também os problemas ambientais, disparidade econômica, dificuldades de emprego, falta de propósito na vida, reclusão social, dificuldade em criar filhos, dificuldade nas relações humanas, turbulência política, problemas de suicídio, conflitos e problemas de pobreza diversas partes no mundo, etc., parecem permanecer sem solução, apesar dos esforços de muitas pessoas.

São todos problemas que requerem providencias urgentes, muitas pessoas estão se concentrando em lidar com eles a resolvê-los. Penso que sejam iniciativas muito valiosas.

Por outro lado, existe uma abordagem a partir do um ângulo completamente diferente para melhorar o mundo. Em outras palavras, é uma a abordagem que é criar um modelo de sociedade ideal. A Comunidade Suzuka Rede As One, na qual trabalhamos há 20 anos, é um exemplo disso.

A sociedade ideal não significa o ideal que cada pessoa pensa a seu modo, mas significa a sociedade de acordo com a razão do mundo natural. No mundo natural do universo, tudo está conectado com tudo, nada existe sozinho e separado e tudo está mudando constantemente, estamos pensando se não seria isto é a razão do mundo natural.

Parece que tanto as pessoas como as coisas que existem nele, ora se manifesta por momento, e no momento seguinte, ora se transformando numa outra figura. Eu penso que o modo de vida das pessoas também pode ser confortavelmente preenchido e vivido em harmonia com tudo, sem desrazão, vivendo de uma forma que esteja de acordo com a razão deste mundo natural.

Penso que muitos dos problemas humanos e sociais nascem pelo fato fazerem coisas desrrazoadas e irracionais. É o desafio de experimentar criar uma sociedade de acordo com a razão da natureza, como um modelo, mesmo que seja em pequena escala. Penso que é numa sociedade assim, é que as pessoas se tornam capazes de viver carinhosamente, simples e facilmente, conforme o seu sentimento, de acordo como ele é.

Como em muitos casos, isso não leva a soluções diretas para os problemas urgentes, sou repreendido por aqueles que estão trabalhando em questões urgentes, “Você está falando como um sonhador!”, ” O que fazer quanto aos problemas da reais da atualidade?”

No entanto, embora pareça à primeira vista, ser um desvio longo do caminho, se pudéssemos criar um modelo que fosse de acordo com a razão do mundo natural, onde esses problemas deixam de ocorrer e desapareçam, no longo prazo, pensamos que proporcionará grande progresso para a sociedade.

Estamos pensando que será possível oferecer um material de referência, uma imagem modelo da próxima sociedade. Além disso, gostaríamos de oferecer um método para realizar o ideal (chamado de Método Scienz), que foi descoberto no processo da construção da comunidade, como um método que qualquer pessoa pode usar.

2. Estamos em guerra pela paz !?

Estive envolvido no movimento pela paz quando era estudante. No entanto, enquanto fazíamos greves e manifestações pelo movimento pacifista, às vezes brigava em vias de fato com as autoridades universitárias.

Além disso, frequentemente havia conflitos dentro do diretório dos estudantes. Desejando pela paz, pensando que “isso é necessário” e “temos que fazer algo a respeito”, todos estão fazendo o seu melhor, mas na realidade, acaba causando conflitos. Inevitavelmente acaba nascendo os inimigos. Sentindo-me contraditório, pensando e refletindo sobre isso, “O que estamos fazendo?”, decidi me retirar do movimento pela paz.

Ao olhar o mundo a partir das dúvidas que senti naquele momento, pude perceber que aparecem coisas com a mesma qualidade em várias situações. Pensando ser importante cumprir as promessas para mantermos as boas relações, culpo as pessoas que não conseguiram cumprir suas promessas e acabavam degringolando as relações.

Na tentativa de melhorar os relacionamentos, resolvi “agir pensando o bem de em todos” e culpar ou punir quem não conseguia, todos ficavam pressionados e retraídos piorando as relações. . .

Quanto mais repreendo as crianças que contam mentiras porque queremos criá-las para serem honestas e verdadeiras, mais elas mentirão por medo de serem repreendidas pelos pais. . .

Quanto mais estabelecemos regras para melhorar a sociedade e quanto mais mais punimos as pessoas que não seguem as regras para fazê-las seguir as regras, a sociedade fica cada vez mais apertada e constrangedora . . . Os exemplos são numerosos demais para serem mencionados.

Os desejos podem ser puros, mas quanto mais se esforçar para isso, sem saber porque, acaba acontecendo coisas que vão contra. O que será que isto acaba acontecendo?

A partir desta experiência, brotou consciência do problema, se não há algo inconsistente na abordagem em lidar com problemas atuais, que não leva a uma solução verdadeira? Afinal, se não encontrarmos a causa raiz e encontrarmos o que realmente desejamos, podemos nos levará a uma solução verdadeira.

E o que eu realmente desejo do fundo do coração, é que seja uma figura que corresponda a razão do mundo natural, é a perspectiva que passei a enxergar enquanto realizava a atividade de pesquisa, depois que me mudei para Suzuka. Já haviam passado mais de 20 anos, desde que o tempo de estudante universitário.

Eu ficaria contente se pudéssemos apresentar esse percurso e os exemplos concretos, a partir das nossas práticas, que vão sendo realizados conforme o desejado, sem ir contra o desejo sincero. No processo de criação da comunidade desde 2001, também encontramos o mesmo tema da “Guerrear pela paz!?”, houve muita aprendizagem no processo de superá-lo. Mesmo agora, continuamos a aprender.

Através desta série, espero que seja fundamentalmente revisada toda a vida social, vida familiar, ambiente de trabalho, ativismos, atividade empresarial, política, etc. e que seja concretizada uma sociedade onde as pessoas possam viver sem conflitos, confortavelmente conforme os sentimentos, carinhosamente, simples e facilmente, mente, seja concretizada.

1 pensou em “Rumando para uma Sociedade Simples, Fácil e Carinhosa. (2)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.